quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

My Georgia


Estava com meus três melhores amigos fumando, quando sincronizadamente se afastaram de mim e foram para a outra parede.
Olhei ao redor e vi ele descendo. Chapéu, terno, dose de Jack Daniel´s, maço de Marlboro vermelho, dois metros de confiança e elegância se aproximando de mim.
Como das últimas vezes me deu um frio na barriga, mas não tinha mais medo.
Chegou perto de mim, se aproximou do meu ouvido:
- Isso não é uma cantada, mas você é muito linda. Vou cantar uma música pra você no show.
Ele terminou seu cigarro, subiu e sincronizadamente de novo meus amigos se aproximaram e perguntaram o que tinha falado.
Confesso que não levei a sério. Subimos para ver seu show.
Ele me viu e disse :
- Essa é para você.
Aquela melodia fez minhas pernas ficarem mole...não sabia que musica era...não sabia como tinha passado tanto tempo sem ouvir aquilo.
Georgia on my mind... quando começou a cantar me arrepiei. Naquele momento soube que uma ENORME cilada se aproximava.
Minha irmã me disse uma frase que a cada dia que passa tenho certeza que é verdade.
"Ele será a paixão mais louca da sua vida"
E nosso caso é assim, secreto e aberto, doce e amargo, silencioso e barulhento, confuso e claro, maduro e infantil, louco, muito louco.
Sentir seu cheiro, seu abraço, sua mão fazendo carinho nas minhas costas até eu dormir, sua preocupação, sua excitação, sua paz...
Minhas mensagens grossas, suas ligações gritando...
Mordidas, tapas, vira de lá, vira de cá, chupa ali, lambe aqui, olhares... e um cigarro no final.
Deito no seu peito, durmo com seu carinho e acordo com sua excitação e tudo começa de novo...
Troca a ração das cachorras, faz salada, abre uma cerveja e deita nas minhas costas...
Terminamos com uma DR qualquer e começamos tudo de novo, sempre de uma forma diferente.

"SE A PAIXÃO HA DE SER PROVISÓRIA, QUE SEJA LINDA E LOUCA NOSSA HISTÓRIA"